BI

MODELAGEM DE SISTEMAS COMPLEXOS VISANDO A BIOFABRICAÇÃO DE ÓRGÃOS

 A bioimpressão de um órgão requer o conhecimento avançado de sua estrutura, organização e funcionalidade, sendo necessário a construção do seu projeto (blueprint).  Esse projeto é melhor desenvolvido associando software de  tratamento de imagens médicas, de projetos auxiliados por computador (CAD) e de simulação computacional (CAE). Entretanto, a representação, por meio de projetos, da organização estrutural e vascular, assim como da composição celular, da matriz extracelular (ME) e dos fatores bioquímicos torna-se um desafio para o desenvolvimento bem sucedido da engenharia tecidual, necessitando de um conhecimento integrado e multidisciplinar. As células não podem manter suas funções metabólicas sem levar em consideração o fenômeno da dinâmica dos fluidos, que é fornecido por vasos sanguíneos e a difusão no espaço intersticial (matriz extracelular - ME), cuja histoarquitetura formada pela ME é de fundamental importância. Este projeto possui um caráter computacional, visando a utilização e integração de técnicas da engenharia, computação, bancos de dados biológicos e de ferramentas gráficas, capazes de representar um tecido próximo ao real levando em consideração a biologia sistêmica. 

Melhor visualizado em 1024x768